07, fevereiro, 2024, quarta-feira

Curso Presencial – PERÍCIA E PATOLOGIA DOS SISTEMAS HIDRÁULICOS E SANITÁRIOS

DATA: 15, 16 e 17 de AGOSTO DE 2023
HORÁRIO: 18H00 AS 22H00
LOCAL: Sede da AEA/SJCampos

Investimento:

  • Associado em dia e estudante associado a AEA R$ 150,00
  • Associado RMVale/SECOVI / ACONVAP R$ 220,00
  • Não Associado R$ 360,00

 

 

 

CARGA HORÁRIA: 12 horas


A QUEM SE DESTINA

  • Engenheiros, arquitetos, projetistas de instalações prediais hidráulicas e sanitárias, alunos dos cursos de engenharia civil e arquitetura e urbanismo e todos os profissionais que trabalham na construção civil.

OBJETIVOS DO CURSO

  • Chamar a atenção para a importância do projeto, execução, operação e manutenção das instalações hidráulicas e sanitárias, tendo em vista que, de acordo com várias pesquisas, de diversos institutos e autores, o maior percentual de patologia da construção corresponde a problemas relacionados com as instalações hidráulicas e sanitárias;
  • Transmitir fundamentos teóricos e soluções práticas sobre patologia em Sistemas Prediais Hidráulicos e Sanitários e suas causas, visando a prevenção de falhas e adoção de medidas adequadas de reparos;
  • Apresentar as principais manifestações patológicas que ocorrem nos sistemas prediais de água fria e água quente, esgoto e águas pluviais;

JUSTIFICATIVA

  • Quando o assunto é instalações hidráulicas todo cuidado é pouco. Além de um bom projeto é necessário o emprego de materiais de qualidade comprovada, pois os reparos no sistema de canalizações sempre apresentam custos elevados. Para se ter uma ideia da negligência com relação ao projeto e à execução das instalações hidráulico-sanitárias, de acordo com várias pesquisas estima-se que o maior percentual de patologia dos edifícios é decorrente de problemas relacionados com as instalações hidráulicas prediais.
  • Pelo fato de as instalações do edifício ficarem embutidas (ocultas), pouca importância é dada a seu projeto, sendo muito comum a execução de obras ricas em improvisações e gambiarras na busca de maior economia utilizando-se materiais de qualidade inferior que, somado à baixa qualificação da mão de obra, acaba por comprometer a qualidade no final da obra.
  • Esse curso foi desenvolvido com a finalidade de apresentar a engenheiros, arquitetos, alunos dos cursos de Engenharia e Arquitetura, construtores e todos os profissionais envolvidos na construção civil as principais manifestações patológicas que ocorrem nos subsistemas das instalações prediais hidráulicas e sanitárias, bem como ressaltar que o estudo das manifestações patológicas não reside somente na possibilidade da atuação corretiva, mas na possibilidade da atuação preventiva, especialmente quando elas têm por causa falhas no processo de produção dos respectivos projetos de engenharia.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

– Principais causas de manifestações patológicas em sistemas prediais;
– Falhas de projeto: falhas de planejamento e concepção sistêmica, falhas de compatibilização com os projetos arquitetônico e estrutural, erros de dimensionamento, ausência de especificações de materiais e de serviços, insuficiência ou inexistência de detalhes construtivos.
– Falhas de execução: falta de fiscalização, modificação do projeto, uso de materiais inadequados, baixa qualificação de mão de obra, uso de ferramentas inadequadas.
– Falhas relativas à qualidade dos materiais: durabilidade das tubulações, redução da vida útil da tubulação decorrente da qualidade da água, normas aplicáveis;
– Falhas decorrentes do uso das instalações;

PATOLOGIA DAS INSTALAÇÕES DE ÁGUA FRIA

  • Considerações gerais
  • Manifestações patológicas em reservatórios de água fria
  • Contaminação da água potável no sistema predial
  • Falta d’água na rede de distribuição
  • Anomalias e vícios construtivos em sistemas de recalque
  • Manifestações patológicas em bombas centrífugas
  • Pressão na rede predial em desconformidade com a NBR 5626
  • Pressões mínimas e máximas no sistema de distribuição
  • Manifestações patológicas decorrentes da pressão estática
  • Manifestações patológicas decorrentes da pressão dinâmica
  • Dispositivos controladores de pressão nas instalações prediais
  • Manifestações patológicas em pressurizadores
  • Manifestações patológicas em válvulas redutoras de pressão
  • Vazão insuficiente nos pontos de utilização de água
  • Incidência de ar nas tubulações
  • Vazamentos nos sistemas prediais
  • Detecção de vazamentos não visíveis
  • Vazamentos causados pelo fenômeno do “par galvânico”
  • Vazamentos em tubos e conexões unidos por juntas soldáveis
  • Vazamentos causados por rupturas em tubulações de PVC
  • Vazamentos causados por ruptura das conexões
  • Vazamentos em torneiras
  • Manifestações patológicas em válvulas de descarga
  • Manifestações patológicas em caixas de descarga
  • Ruídos e vibrações nas instalações prediais de água fria
  • Ruídos causados pelo golpe de aríete
  • Rupturas causadas por sobrepressão (golpe de aríete)
  • Entupimento das tubulações pela presença de incrustações
  • Entupimento de chuveiro

PATOLOGIA DAS INSTALAÇÕES DE ÁGUA QUENTE

  • Uso inadequado de materiais
  • Corrosão de tubos metálicos
  • Vazamentos em tubulações de cobre
  • Manifestações patológicas em tubulações de plástico
  • Deformação da tubulação de água fria por retorno de água quente
  • Rupturas causadas pelo efeito da dilatação e contração térmica
  • Demora na chegada de água quente no ponto de consumo
  • Oscilações de temperatura nos misturadores durante o uso
  • Aquecimento insuficiente de água
  • Patologia dos aquecedores
  • Perda térmica devido ao desempenho dos aquecedores
  • Vazamentos em aquecedores a gás
  • Desempenho de aquecedor solar
  • Vazamentos em reservatório térmico

PATOLOGIA DAS INSTALAÇÕES DE ESGOTO

  • Considerações gerais
  • Mau cheiro nas instalações de esgoto
  • Rompimento do fecho hídrico dos desconectores
  • Vedação inadequada ou ausência da saída da bacia sanitária
  • Sistema ineficiente de vedação de caixas de inspeção e de gordura
  • Ausência ou ventilação incorreta do sistema de esgoto
  • Acesso de esgoto ao sistema de ventilação
  • Deformações em tubulações de esgoto
  • Flechas excessivas nas tubulações
  • Patologia decorrente de interfaces com os elementos estruturais
  • Vazamentos em tubulações aparentes;
  • Vazamentos em tubulações embutidas
  • Vazamentos em tubulações enterradas
  • Vazamentos em pé de coluna
  • Retorno de espuma em lavanderias (áreas de serviço)
  • Refluxo de águas servidas para o sistema de consumo
  • Retorno de esgoto pela caixa sifonada e bacia sanitária
  • Entupimentos das tubulações de esgoto
  • Entupimento causado pelo uso inadequado de conexões
  • Obstrução de tubulações por ausência de declividade
  • Entupimento do coletor predial

PATOLOGIA DAS INSTALAÇÕES DE ÁGUAS PLUVIAIS

  • Considerações gerais
  • Infiltração de água em telhado
  • Transbordamento por seção insuficiente de calhas
  • Transbordamento de calha por ausência de declividade
  • Transbordamento em calha por seção insuficiente de condutores
  • Transbordamento por entupimento dos condutores
  • Vazamentos em calhas por falhas de execução
  • Infiltração de água em telhado por erros na colocação de rufos
  • Vazamentos em condutores verticais
  • Rupturas em tubos por subpressão (vácuo)
  • Ressecamento de condutores aparentes (expostos ao sol)
  • Vazão concentrada de água sobre telhados
  • Ligação clandestina de águas pluviais em rede de esgoto
  • Uso inadequado de águas pluviais em sistemas prediais.

PROFESSOR PALESTRANTE

  • Prof. Eng. Roberto de Carvalho Junior, engenheiro civil, licenciado em Matemática, com habilitação em Física e Desenho Geométrico. Pós-graduado em Didática do Ensino Superior e mestre em Arquitetura e Urbanismo. Projetista de Instalações Prediais desde 1982, já elaborou inúmeros projetos de edificações de médio e de grande porte, executados em várias cidades do Brasil. Desde 1994, atua na área acadêmica, em faculdades de Arquitetura e Urbanismo e Engenharia Civil, como professor universitário das disciplinas de instalações prediais.É palestrante e autor dos livros “Instalações Hidráulicas e o Projeto de Arquitetura”; “Instalações Elétricas e o Projeto de Arquitetura”; “Patologias em Sistemas Hidráulico-Sanitários”; “Instalações Prediais Hidráulico-Sanitárias – Princípios básicos para elaboração de projetos” e “Interfaces Prediais”, publicados pela editora Blucher.Atualmente, trabalha na área acadêmica e como consultor independente.

LIVROS DO PALESTRANTE

Data

ago 15 2023 - ago 17 2023
Expired!

CADERNETA DE OBRAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

A AEA/SJCampos sediará a 5ª Edição do Curso de Férias

Nos dias 16, 17, 23 e 24 de fevereiro, a AEA/SJCampos sediará a 5ª edição do Curso de Férias, que proporcionará a estudantes e...